Imprimir

O bom feirante nosso de cada semana

Escrito por Romerito Aquino (*) em . Publicado em Especiais

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Prefeitura de Rio Branco e governo homenageiam feirantes com mais uma Feira de Economia Solidária na Ceasa da capital

Clientes dispõem de 70 empreendimentos na Feira de Economia Solidária - Foto Marcos Vicentti - Ascom-PMRBClientes dispõem de 70 empreendimentos na Feira de Economia Solidária - Foto Marcos Vicentti - Ascom-PMRB

Sabe aquele feirante animado, prestativo, atencioso e amigo, que quer te ver saindo da barraca dele todo satisfeito com o bom atendimento e as frutas e verduras que ele te vendeu para você e sua família desfrutarem de uma alimentação saudável e saborosa?

Pois é. É essa figura com quem você convive pelo menos uma vez por semana que a prefeitura de Rio Branco e o governo do Acre homenagearam em mais um Dia Nacional do Feirante, comemorado no último dia 25 de agosto.

E a homenagem, mais uma vez, veio em alto estilo, com a realização, na Central de Abastecimento de Rio Branco (Ceasa), da segunda Feira de Economia Solidária, que se realizou de 29 a dois de setembro, com participação decisiva também da Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários (Unisol).

Durante os cinco dias, 70 feirantes da agricultura familiar, além de peixeiros, puderam não só se encontrar e comercializar com velhos e novos clientes, como também participar de muitas atividades em seus próprios benefícios, tais como seminário, atendimento de saúde e ações culturais e esportivas.

Feira de Economia Solidária tem produtos para todos os gostos -  Foto Marcos Vicentti, Ascom-PMRBFeira de Economia Solidária tem produtos para todos os gostos - Foto Marcos Vicentti, Ascom-PMRB

Contando ainda com o apoio do Sebrae e várias outras instituições, a nova Feira de Economia Solidária permitiu a comercialização de produtos da agricultura familiar, alimentação, piscicultura, jardinagem, artesanato, costura e movelaria. A feira foi aberta no dia 25 de agosto, com a realização do seminário “Desenvolvimento Sustentável com novos desafios para a Economia Solidária”.

Segundo a Assessoria de Comunicação da prefeitura, a Feira de Economia Solidária é parte de um processo mais amplo que vem sendo promovido no Acre, combinando mobilização, comercialização e atividades de formação visando consolidar o processo de formação da Unisol no Estado.

Nos eventos, também são realizados atendimentos e promoção de cidadania, como orientações jurídicas e em serviços sociais, extensivo também aos feirantes do Mercado do Peixe da Ceasa. “Essas feiras são muito importantes para divulgar nossos produtos”, destaca Pedro Maciel, empreendedor solidário de produtos artesanais do município de Cruzeiro do Sul.

Feira conta até com bons produtos de vestuário - Foto Marcos Vicentti, Ascom-PMRBFeira conta até com bons produtos de vestuário - Foto Marcos Vicentti, Ascom-PMRB

O coordenador Regional da Unisol, Carlos Omar, destacou a importância de mais essa Feira de Economia Solidária da capital acreana e agradeceu aos órgãos e instituições responsáveis por sua realização. “Estamos gratos aos nossos parceiros, a Prefeitura de Rio Branco e ao Governo do Estado pela realização de mais esta feira que homenageia todos os feirantes do Acre”, assinalou Omar.

Avança o Shopping Popular da capital

Outro evento importante da prefeitura de Rio Branco nesta semana que passou foi a ida do prefeito Marcus Alexandre a Brasília tratar da liberação de recursos federais para várias ações e empreendimentos em execução pelo órgão na capital acreana, entre os quais se destacou a finalização das obras do tão esperado Shopping Popular.

Prefeito Marcus Alexandre e senador Jorge Viana visitam as obras do Shopping Popular - Foto Assis Lima, Ascom-PMRBPrefeito Marcus Alexandre e senador Jorge Viana visitam as obras do Shopping Popular - Foto Assis Lima, Ascom-PMRB

Acompanhando do senador Jorge Viana (PT-AC), Marcus Alexandre esteve em audiência com o ministro Carlos Marx, do Ministério do Turismo, tratando da liberação de recursos referente a medições já executadas na obra do Shopping Popular. Segundo o prefeito, a regularidade no cronograma de desembolso financeiro é necessária para a continuidade da importante obra para o comércio popular da capital.

Com uma área de 12 mil metros quadrados, o Shopping Popular de Rio Branco está sendo construído ao lado do Terminal Urbano. “Mesmo sabendo das dificuldades decorrentes da crise econômica pela qual passa o país, estamos lutando para que a obra do Shopping Popular tenha continuidade”, destaca o prefeito Marcus Alexandre. A obra inclui, entre outros itens, 450 boxes divididos em três andares, praça de alimentação, elevadores, jardins e banheiros.

(*) Com Ascom PMRB.

Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn